Fabiana, e seu presente de Dia das Mães

IMG_7448+

.

.

.

Fabiana foi a personagem que mais me marcou no Giganto de Santana. Seus olhos, profundos e sinceros, revelavam dores intrínsecas. Quando nos conhecemos, eu senti nela uma força admirável. Vi em sua face potência e fragilidade,  amor e dor.  Esculpida pelo tempo, Fabiana não poupa expressão, revela todas suas emoções. Mergulhando um pouco mais fundo nas águas dos olhos dessa senhora, eu entendi um pouco sobre saudade e sobre maternidade.  Com a fala doce, com palavras  ela foi confidenciando suas memórias e perdas que se tonavam visíveis, como se tivessem acontecendo naquele momento. Ela chorou olhando no meu olho que também chorava por ela. Foi nosso pacto de lágrimas.

.

.

.

Image

Image

 

.

Image

 

Neste ano, atendendo a um pedido de sua filha Tula, eu fiz um Giganto dentro da casa dela. A fotografia é ela mesma em frente a sua imagem no muro. O instante em que ela se reconheceu como giganta.  Tomo a liberdade de dividir algumas das palavras da Tula, pois estas palavras são meu tesouro

“…minha mãe ficou muito feliz em ver a  imagem  dela retratada no mural, fez bem a sua auto estima, ela se sentiu valorizada e incorporou a artista. Eu me emocionei com a alegria e também coma tristeza da vida dela retratada com tanta delicadeza  e realidade … minha mãe tem uma história de vida muito bonita mas com muitas perdas, … é uma dor eterna que fica mais viva com o envelhecimento. Bom gostaria de levar a homenagem do mural para dentro da minha casa. quero colocar na parede do corredor do apartamento onde moramos, como uma declaração de amor  e respeito a sua historia de vida.”

brust_morador_02_baixa

IMG_5828++

 

Seu Rubens resistiu ao grande empreendimento imobiliário que comprou todas as casas vizinhas.

brust_morador_05_baixa

.

 

.

 

https://vimeo.com/58074779